0

Vincent 1982

Em 1960 a ensolarada Califórnia tinha um habitante singular, pálido, magro, delicado e com seus imensos olhos, que observam por trás de um cabelo preto e desgrenhado, vivia no subúrbio o menino Burton.

  “Quando era jovem, eu tinha duas janelas no meu quarto, janelas ótimas, que davam para o gramado e , por alguma razão. Meus pais cobriram as janelas com tijolos e me deram uma janelinha que não passava de uma fenda na parede, e eu precisava subir na escriva ninha para ver o que avia lá fora (...) naquela época, não perguntei por que eles fizeram aquilo(...) Então, comparei essa experiência com um conto de Poe em que uma pessoa era emparedada, enterra viva, para poder falar a respeito dessa epoca”. O garotinho que não era fã de livros mais sim dos filmes de horror,  “ Por alguma razão, os filmes de Vicent Price me tocavam especialmente”, como a singularidade de sua visão do mundo, é apaixonante e única ”fui criado em um ambiente considerado bom e normal, mas eu tinha outros sentimentos a respeito do que me cercava. Esses filmes eram uma forma de conhecer esse sentimentos e acho que é por isso que fui influenciado por certos temas abordados por Edgar Alan Poe”, em entrevista a revista britânica Fear, as adaptações de Poe, estreladas por Vincent  Price na década de 1960, fez Tim Burton descobrir o poeta norte americano.


E seu tributo a esses filmes venho anos depois com o primeiro curta do genial Burton a animação de apenas 6 minutos, minha obra favorita do Burton, Vincent de 1982, é auto biográfica, repetindo citações dos filmes de horror de Price, assim como trechos originais de Poe. O garotinho pálido, magro, delicado com seus imensos olhos, que observam por trás de um cabelo preto e desgrenhado, combinados a paisagem  au estilo gabinete do Dr. Caligari, versos anárquicos de Dr. Seuss em “O gatola de cartola” e a coroada narração do próprio Price.

Pronto temos uma das melhores obras do Burton, a na minha opinião a mais bela animação já produzida, curtam, degustem viagem Tim Burton Vincent 1982....


Bjs Naty Fênix

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Visitou a página deixe seu comentário e aproveite pra seguir as novidades.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...